O boom de cores da Kenzo

05/07/2017

Um mar de cores como você nunca viu e um mix de estampas, sobretudo de listras, da maneira mais estilosa e inusitada. Pra mim, esse foi o desfile da Kenzo que trouxe o Resort 2018 masculino e feminino em um só show, com um casting totalmente composto por modelos asiáticas. A inspiração veio através de duas personalidades japonesas: pelo músico Ryuichi Sakamoto e pela modelo Sayoko Yamaguchi.

O músico Sakamoto é um artista completo: músico, compositor, produtor e ator japonês que é famoso mundialmente, inclusive esteve recentemente no Brasil, em 7 de maio, na abertura da Japan House em SP. É um artista que nos anos 70 com sua banda na época, a Yellow Magic Orchestra, considerada "avant-garde” para sua época: artistas que pensam à frente do seu tempo, explorando novas formas de trabalho e inovações e muitas vezes, provocam uma profunda transformação social. E é claro, ele é um homem muito estiloso.

Já a Sayoto foi uma supermodelo japonesa, com fama mundial, mas que não é falada nos dias de hoje. Ela faleceu em 2007, mas ganhou uma exposição no Museu da Arte Contemporânea de Tóquio, em 2015. Ela trabalhou com o falecido fundador da Kenzo e foi uma grande artista, não só modelo, como o próprio catálogo do desfile dizia: “Capaz de vestir qualquer coisa, Sayoko considerava o ato de se vestir como uma resposta física, e uma colaboração, com o mundo exterior. Ela vestiria imagens, espaços… Em seus últimos anos, ela inclusive reforçou que seu coração vestia seu corpo, e pra ela o termo ‘vestir’ era sinônimo a ‘existir'." No desfile, as modelos foram maquiadas e tiveram seus cabelos ajustados assim como os de Sayoto, e as roupas com seu estilo. Muito bacana, né?

Segundo os estilistas Carol Lim e Humberto Leon, nas notas de inspiração da coleção: "Celebramos dois musos, uma que representa a visão moderna da casa e uma de seu passado. Para ambas as coleções visamos capturar a dualidade das duas figuras, olhamos para a era em que ambos governaram dois continentes distantes, para o instinto pessoal de Ryuichi ao questionar a norma, e para a habilidade de Sayoko de misturar padrões, estampas, silhuetas e cores ".

E foi isso mesmo que a gente viu na coleção: quebra de padrões com silhuetas fora do convencional e um talento incrível no mix de padrões, cores, estampas e formas. 

Muita transparência, cores fortes, prints geométricos, lingerie inspired, peças oversized, babados, alfaiataria e as listras, totalmente reinventadas: em todos os sentidos possíveis, não somente na horizontal como na vertical, em diagonal, triangular, em cores, em paetês e não só nas roupas como nas meias 3/4 usadas nas sandálias: trend alert que já vimos em vários outros desfiles. Vai aderir?

As listras prometem vir cada vez mais diferentes e nos permitindo ousar cada vez mais e esse desfile foi a grande confirmação disso.

 

E aí, quem também ama cores e listras? Eu já queria várias dessas peças!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Busca
Posts em Destaque

Novo BAZAR: Closet das Amigas!

June 10, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Pra Sempre nas Redes Sociais
  • Facebook - Black Circle